Últimos artigos

7 dicas antes de viajar nos trens da Índia

Estação ferroviaria de Khajuraho, Índia


"7 cuidados ao viajar nos trens da Índia"


Como comentei nas 7 coisas que você precisa saber antes de ir para a Índia, viajar em trem é uma das maneiras mais espetaculares de percorrer este país! É verdade que nem tudo funciona perfeitamente, e que às vezes alguns apuros podem surgir, mas mesmo assim segue sendo a minha maneira preferida de viajar por lá! Depois de testar várias classes em vários trajetos, compilei 7 dicas que recomendo para qualquer pessoa que nunca viajou em um deles, Saca só:


Reservar com antecipação

O sistema ferroviário indiano é amplo, um dois maiores do mundo, superando a incrível marca de 7000 estações! Mas mesmo assim, para uma população que supera 1,2 bi de pessoas esse sistema fica curto. Poucos, realmente poucos trajetos estão disponíveis naquele esquema "chegar e comprar". E acredite, para algumas classes, mesmo comprando com antecipação você pode correr o risco de cair na tal "lista de espera". Recomendo que antes de viajar você já reserve suas passagens pela internet, o sistema é meio chato mas funciona! Veja como comprar bilhetes de trem online neste passo-a-passo que eu escrevi.



Atrasos

Sim, além de ser enorme a infraestrutura ferroviária indiana opera no limite. Vários trens compartilhas os mesmos trechos e estações. Várias linhas pendentes de manutenção. Quando um para, faz com que o outro pare, que leva outro e assim por diante. Um efeito cascata que parece não ter fim. Dos 5 trens que eu peguei durante a minha viagem, 4 chegaram com atrasos de pelo menos uma hora.Se foi azar eu não sei, mas recomento que vá preparado!

Dica! Utilize a página do "Spot your Train" da Indian Railroads para verificar onde está o seu trem, funciona com certa precisão.



Trens noturnos não avisam a parada

É meu amigo, bem diferente de quem viajou pela Europa, pela Transiberiana ou até mesmo pelo Vietnã. Nos trens que viajei na Índia eles não avisavam que estávamos nos aproximando ou parando numa estação. Durante o dia ainda passava, você vai perguntando pra galera do vagão e se virando. Mas durante à noite, quando todo mundo dorme, a coisa complica. A solução é garantir bateria e 3G no telefone (é fácil conseguir) e ficar monitorando no maps, Para dormir tranquilo, lembre considerar os atrasos na sua conta!



Confira pelo número do trem que aparece fora dos vagões.

Alguns trens são na verdade dois trens que estão conectados mas que em algum momento da viagem se separam em dois, e portanto partem da mesma plataforma no mesmo horário. Pra não cair na bobeira de errar o trem, dormir e ir parar num outro canto da Índia, antes de entrar confira o nome e o número que aparece do lado de fora. Está mais ou menos na metade do vagão!


Bagagem se está em cima, incomodo se está embaixo

Nas classes AC 2 TIER e AC 3 TIER, beliches com duas e três camas respectivamente, os espaços são um pouco limitados.

QUEM FICA EMBAIXO, tem espaço sob a cama para colocar a bagagem, e ainda tem a comodidade de acessar a qualquer coisas que por ventura tenha ficado no interior das maletas. Por outra lado, quem senta embaixo só pode esticar os lençóis e dormir depois que os demais companheiros de beliche resolverem subir para as suas camas. O mesmo vale se alguém acordar e quiser sentar-se de manhã cedo, afinal a cama de baixo também faz vez de assento.

QUEM FICA ENCIMA, por outro lado, tem a comodidade de subir e descer quando quiser, de tirar um cochilo durante o dia sem ser incomodado. Mais prático, se você não for muito grande, pois os espaço é meio apertado. Outra questão importante são as bagagens: 3 dos 5 trens que viajei não tinham um lugar específico para elas nas camas decima, e como os lugares já haviam sido ocupados pelos donos das camas debaixo, fui forçado a viajar com o mochilão entre as pernas.

Fora isso, a segunda e terceira classes são show de bola!



Água, água e água.

Pouca coisa, às vezes nada, é vendida no interior dos trens. Ás vezes até dá para descer rapidão numa estação, mas a minha recomendação é: tenha sempre água contigo! Na verdade não só nos trens, durante a sua viagem toda! E claro, água de garrafa, de preferência com o lacre "bem lacrado".


Tenho mais conteúdo sobre a Índia no The World by Fon neste link e toda a playlist dos documentários que gravei para o Youtube enquanto estava no país.

Além da Índia também viajei pela Europa toda em trens, deixo uma recomendação caso você se interessa pelo tema:


Abraço maior que o Atlântico!

Fon
Facebook - The World by Fon
Instagram - @afonsosolak
Twiter - @afonsosolak
Google Plus - Afonso Solak
Email - afonsosolak@gmail.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

The World by Fon Designed by Templateism.com Copyright © 2014

© Copyright 2013, All Rights Reserved to The World by Fon. Tecnologia do Blogger.