Últimos artigos

Mala ou Mochila Fon?

Frequentemente amigos e conhecidos me perguntam se é melhor viajar de mala ou de mochila. Ao meu ver esta é uma questão muito pessoal, mas vou tentar explicar um pouco sobre esta escolha. Aqui vão alguns tópicos:

Se você está planejando uma viagem onde passará por várias cidades, se movendo bastante, usando vários sistemas de transportes diferentes, a mochila provavelmente será a mais indicada. Agora, se você está planejando uma viagem mais "relax", como por exemplo um cruzeiro ou alguns dias num resort,  a mala tradicional poderia ser sua escolha certa.

A principal vantagem da mochila em relação à mala é a mobilidade que ela permite. Por exemplo, quando você precisa fazer uma troca de trens, aquela rápida, em poucos minutos, que você desce de um trem, numa estação que você provavelmente não conhece, onde possivelmente você não entende o idioma das orientações, você perde algum tempo se localizando, e precisa descer e subir escadas, ás vezes passar entre várias pessoas. Nesse momento, quando seus minutos são valiosos, a mobilidade que falo, faz a diferença.

Um exemplo meu: Na Bolívia, quando fiz a travessia pelo Salar de Uyuni, numa das paradas para dormir, no povoado de Kulpina K, havia chovido muito e o caminho até a casa das pessoas que nos receberiam era uma lama só, e não havia outra forma a não ser caminhar pela lama. Quem estava com uma mala "quadradona" sem dúvidas teve mais dificuldades.

Se você depende de usar sistemas de transporte público, a mochila também vai te facilitar muito. Muitas vezes você nem precisará deixar sua mala no bagageiro inferior do ônibus, e assim terá sua mochila ali, contigo, sob seus olhos durante toda a viagem. Pode parecer exagero, mas em alguns países é muito comum o roubo de bagagem nas paradas de ônibus.

Aqui vai outro exemplo: Na minha viagem para a Escócia, uma das coisas que havia planejado era conhecer a Falkirk Wheel. Era um ponto específico em uma cidade no trajeto entre Edinburgh e Glasgow, e eu fui especialmente para ver isso. Sai pela manhã de Edinburgh, fui até a cidade de Falkirk e de lá fui de ônibus até a Falkirk Wheel. Voltei para Falkirk, e fui a uma outra estação, diferente da que cheguei, para ir para Glasgow. Fiz todo o trajeto com a mochila nas costas, sem me preocupar em carregar a mala pra cima e pra baixo, ou encontrar um locker onde pudesse deixar a bagagem guardada durante o tempo que eu iria até a Falkirk Wheel. Outra vez a mobilidade fez a diferença.

Falkirk Wheel na Escócia

As mochilas, por outro lado, são mais difíceis de organizar. Se você está indo para uma viagem de negócios, tenha certeza que suas camisas vão chegar amassadas se você viajou de mochila. Mas, aqui entre nós, você já viu executivo de mochila?

Além da questão da organização, outro problema pode ser o transporte de coisas frágeis. Como uma mochila não tem aquele "casco" que as malas possuem, seus objetos podem ficar desprotegidos em caso de algum impacto que a mochila venha a sofrer. Lembre que as pessoas que fazem o transporte das bagagens nos aeroportos e dentro dos bagageiros não tratam a sua bagagem com o cuidado que você a trata.

Pessoas de mais idade, ou sob circunstâncias que não permitam carregar muito peso, devem optar por malas. Afinal, nas malas, quem arca com todo o peso são as rodinhas, e não suas costas!

No final das contas,  seja realista e tente imaginar as situações que você ira enfrentar! O que importa é que sua viagem seja proveitosa e divertida! E faça de tudo para não experimentar de onde vem a expressão "feito uma mala sem alça"!

Se você decidir usar a uma mochila, nos posts à seguir explico como fazer a melhor escolha!

Um abraço!








The World by Fon Designed by Templateism.com Copyright © 2014

© Copyright 2013, All Rights Reserved to The World by Fon. Tecnologia do Blogger.